1º Encontro de Teatro Luso Galaico de Arcos de Valdevez

O fim-de-semana de 20 e 21 de outubro foi palco do 1º ENCONTRO DE TEATRO LUSO GALAICO DE ARCOS DE VALDEVEZ, uma iniciativa dinamizada pelo Grupo de Teatro do Vez (GTV) em parceria com o Município. Pretende-se estreitar ligações, aproximar culturas, partilhar saberes e singularidades, valorizando o teatro amador.

Assim, o Grupo de Teatro Avalaiña da Galiza acedeu ao nosso convite e trouxe-nos a peça “LOLA”, uma história que joga com o presente (meados dos anos sessenta) e o passado (anos da II República, imediatamente após o golpe militar de Julho de 1936). Recria o ambiente, os ideais e os confrontos entre duas formas de compreensão da sociedade: os valores da tradição patriarcal e escolástica dos golpistas face ao projeto constitucional republicano de progresso e liberdade.

Tomaz de Figueiredo foi o autor escolhido pelo GTV para integrar este 1º ENCONTRO, com a estreia de “A Nobre Cauda”, talvez a mais inventiva e surreal das peças de teatro escritas pelo autor e a primeira a ser levada a palco. Muito nos honra o facto de sermos os primeiros a levar à cena a escrita dramatúrgica deste grandioso escritor. Estamos convictos de que Tomaz de Figueiredo haveria de gostar.

Uma mão cheia de teatro, em duas línguas – galego e português – dois momentos culturais de excelente qualidade, muito aplaudidos e bem recebidos pelo público, que ficou deveras surpreendido com o nível de profissionalismo, rigor e exigência apresentados.

O GTV agradece a Nuno J. Loureiro pelo brilhante trabalho de encenação que desenvolveu, ao Município pelo apoio prestado, à Fundação Caixa Agrícola e aos nossos convidados, Grupo Avelaiña, por terem participado neste evento que, manifestamente, irá ter continuidade.